quinta-feira, 20 de outubro de 2011

HOJE O DIA ESTÁ TÃO BONITO

Foto do meu acervo
Hoje o dia está tão bonito.
Já não me perco em meu infinito.
Aqui dentro tudo ficou sereno e tranquilo.

Raios de sol incendeiam a praça
E, às vezes, eu até acho graça
De lembrar que ainda tenho você guardada dentro de mim.

Conte até três,
Mas depois é a minha vez.
Mãe, se eu esquecer do horário,
São coisas do fruto proibido.
Coisas que a gente não precisa revelar.

Matemática pra entender a conta estranha do amor.
Português pra não dizer coisas da minha timidez.
Mas na geografia do seu corpo sou o rio
Escorregando em cada curva até ser cachoeira.

Hoje o dia está tão bonito.
Já não me perco em meu infinito
A casa está arrumada
Esperando alguém pra bagunçar.

Então vamos beber por diversão.
Um copo e meio de alcatrão
Folhas de papel como cortina.
Num carro parado sem gasolina.

Riva Moutinho 19/10/2011

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...