quarta-feira, 25 de maio de 2011

MORANGOS VERDES

Pensei ter ouvido você sussurrar meu nome
Numa daquelas tardes quentes de verão.
Pensei ter visto você escrever meu nome
Numa daquelas cartas antigas de amor.

Tanto faz... Tanto faz...
Agora vejo sua foto e não sei onde está.
Fica a poeira se escondendo
Em tapetes velhos pela sala.

Como queria que o tempo pudesse voltar!
Agora apenas nostalgia
E uma sensação que não se explica
Por sentimentos que não se conversam.

Ilusão de óptica é acreditar que tudo é pra sempre,
Que seremos sempre jovens,
Que o mundo algum dia mudará
E que as pessoas serão felizes.

Tento não me matar dia a após dia.
Um dia pra sobreviver, outro pra tentar esquecer
Que o que queremos está tão longe
E o que detestamos tão alcançável.

O amor já passou por aqui.
Deixou seu rastro insano,
Sua saudade doentia
E uma vontade de encontrar algo que se perdeu.

Ainda não sei fazer mágicas
Mas vi você passar por mim.

Riva Moutinho 10/05/2011

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...