domingo, 7 de março de 2010

TÁBUAS DA MENTE


Inconsciência.
Disritmia.
Inércia.
Hipertermia.

Finjo não saber o que entendo
Procuro entender o que não sei.
Um ponto perdido na linha tênue
Do meio opaco do que se entende por realidade.

A verdade é uma convicção baseada em um conhecimento raso.
Porque rasos são os mais profundos pensamentos.
Pois nenhum humano conhece o suficiente
Pra dizer o que é ou o que não é.

Silêncio.
Interrupção.
Desvio.
Contradição.

Caminhos são deduções lógicas do que escolhemos...
E, às vezes, nos arrependemos.
Porque nem toda realidade se mostra claramente
E nem todos somos o que esperamos que o outro seja.

O mal é a serpente que nos envolve; às vezes nos alimenta.
Ou uma hora nos sacia e em outras nos vicia.
O bem é a ilusão de que o mal não contaminou
Mas quando menos se espera ele nos mata.

Simbiose.

Riva Moutinho 07/03/2010

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...