quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

ME DESPEÇO E VOU


Não tenho mais o que dizer
O silêncio agora é minha fala.
Mas tenho muito pra fazer
Porque o mundo não para.

Sei que já gastei tempo demais
Com coisas das quais a humanidade é desumana.
Sei que já gastei tempo demais
Dizendo o que outros alterarão.

Há sempre pessoas que têm medo de si próprias.
Há sempre pessoas que não assumem quem são.
Há sempre pessoas que amam o espelho.
Há sempre pessoas como eu ou você.

Falar sempre foi mais fácil do que ser.
Omitir sempre foi mais fácil do que enfrentar.
Ilusionar sempre foi mais fácil do que viver a realidade
Mascarar sempre foi mais fácil do que dizer a verdade.

Dos cegos do castelo me despeço e vou”*
Qualquer dia o tempo ecoará palavras
E ai, talvez, alguém se lembre
Que o amor Dele nos ensina até mesmo na dor.

Até lá vamos lavar nossas feridas,
Desintoxicar nossos corações,
Iluminar nossas mentes
E encher nossas almas com o Evangelho,
Sem o qual nada seremos.

Riva Moutinho 11/02/2009

*Frase da música Os Cegos do Castelo composta por Nando Reis - Titãs

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...