sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

... E O MUNDO ANDA MAL


O mundo anda mal,
Mas hoje acho que sou eu que não estou legal.
E fico vagando pelo universo da minha mente
Procurando por algum lugar que o meu corpo sente.

As pessoas andam mesmo sem amor
E eis aqui mais uma entre tantas outras.
Têm dias que sinto dor.
A dor de não estar entre algumas letras que escrevi.

E aí, vem de repente, uma tristeza tão profunda
E uma vontade de ir aonde não conseguiria me encontrar.
Com tantos caminhos incertos
Abri mão de querer saber qual o melhor.

Tem sempre um outro dia depois desse
Ou uma nova história, mas não creia sempre nisso.
Se a paz se estabelece em meio ao equilíbrio de minhas esperanças,
Perdi, então, a noção do início e do fim.

Meu corpo é meu campo de batalha,
Minha mente meu inimigo e minha artilharia.
Não importa qual o resultado final
Sempre se perde mais.

Vou ficar por aqui
Com o meu anjo triste e meu espelho.
Minhas questões e as falta delas.
Entre um tempo e um copo.

No meio de mim...
Assim, próximo do fim.

BH 10/12/2008

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...